Paulo Vitor na presidência da câmara será arma de Flavio Dino contra Eduardo Braide

A tentativa é do Palácio dos Leões em articulações com vereadores para eleger em abril próximo o vereador Paulo Vitor (PCdoB), como presidente da Câmara Municipal de São Luís. É público que o governador Flavio Dino, nunca engoliu a derrota da sua cooperativa de candidatos a prefeito de São Luís, tanto no primeiro como no segundo turno e a questão fugiu totalmente do campo ideológico para o pessoal e daí é que dirigente do executivo estadual não perde oportunidades para alfinetar o prefeito. Recentemente, quando do importante trabalho desenvolvido pela prefeitura de São Luís na vacinação, que inclusive ganhou destaque nacional, o governador tentou postergar repasses de vacinas para a Secretaria Municipal de Saúde.

Paulo Vitor tem sob o seu comando uns 10 vereadores, que também rezam na cartilha do secretário Márcio Jerry e assim se comprometem a trabalhar junto a outros colegas para aumentar o número de adeptos em favor da candidatura de Paulo Vitor.

Com um discurso mansinho e bem conhecido, Paulo Vitor prega um trabalho de parceria com o prefeito Eduardo Braide, caso venha ser eleito, destacando que o seu propósito é o desenvolvimento de São Luís, quando na verdade ele é um instrumento de Flavio Dino, que tem avidez de se vingar de Eduardo Braide pelas derrotas impostas à sua cooperativa de candidatos à prefeitura de São Luís. Com Paulo Vitor no legislativo municipal todas as possíveis e impossíveis dificuldades e atropelos ao executivo municipal serão pautas diárias, afinal de contas, o cara é o instrumento para cumprir ordens de Flavio Dino, isso se por acaso ele seja candidato e remotamente venha a vencer.

Fonte: AFD

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *